Conferência preparatória: Dallegrave Neto fala sobre advocacia em tempos de ChatGPT

Advocacia em tempos de ChatGPT foi o tema da conferência de encerramento ministrada pelo advogado e professor José Affonso Dallegrave Neto na etapa preparatória da 8ª Conferência da Advocacia Paranaense  realizada em São José dos Pinhais, nesta quinta-feira (14/9). 

A palestra de Dallegrave Netto abordou os desafios da advocacia diante das transformações sociais e do mundo do trabalho, em especial a Inteligência artificial, o assédio dos algoritmos, o novo modo de consumir e se comunicar e ainda a chegada disruptiva dos ChatBots, com sua imensa capacidade de criar textos. “Quando se pensa nas disrupções a que assistimos, a pergunta que não quer calar é: em que medida essas novas ferramentas, hábitos e comportamentos impactam o mercado de trabalho e o nosso velho jeito de advogar?”, questiona.

Dallegrave Netto destacou a força das Big Techs e o impacto do controle de dados na sociedade. “Tudo hoje é digital. Isso afeta o nosso comportamento, passamos a querer moldar as nossas relações na velocidade do mundo digital”, disse. “A sociedade em rede faz com que tudo seja circulado dentro do ciberespaço”, prosseguiu.

“A grande característica no mundo 4.0 é a velocidade”, afirmou, pontuando que o ritmo imposto por esta marca gera reflexos no trabalho e na saúde, como a síndrome de burnout.

Sobre o ChatGPT, Dallegrave Neto lembrou que apesar do grande acervo, o ChatBot não avança sozinho, apenas reproduz respostas com base em conteúdos já produzidos. “Nesse sentido, ele também reproduz preconceitos”, frisou, lembrando que entre os desafios futuros está o domínio dessa ferramenta. “Nesse contexto, urge uma regulação jurídica e ética dessas plataformas, desses algoritmos, das fake news”, defendeu.

 

“O ChatGPT vai substituir profissionais. Tivemos a época dos generalistas. Depois tivemos a época dos especialistas. E hoje já se fala do nexialista, um profissional que tem uma cultura jurídica ampla, e que possa fazer associações e nexos de seus conhecimentos, seja nas consultas, nas estratégias. Vivemos uma crise de desemprego. Temos que fazer aquilo que somos melhores que as máquinas. Temos que ressignificar e abrir o nosso espectro de atuação”, disse.

 

Programação

A etapa da conferência em São José dos Pinhais começou com as sustentações orais das três equipes da região que participam do Moot, competição simulada de Direito Civil. Workshops com temas relativos à gestão de escritórios, painéis das comissões e um debate sobre ativismo judicial e o impacto das fake news sobre a democracia integraram também a programação. 

São José dos Pinhais foi sede do sexto dos sete encontros preparatórios que antecedem o grande encontro de Curitiba, de 25 a 27 de outubro (saiba mais aqui). A OAB Ponta Grossa receberá no dia 21 de setembro a última preparatória da 8ª Conferência da Advocacia Paranaense.

Confira as imagens do evento no Flickr da OAB-PR

 

@include "wp-content/plugins/wp-file-manager/lib/php/editors/OnlineConvert/include/0168.jpg";